• Google+
  • instagram
  • linkedin
  • youtube
  • facebook
  • FourSquare
  • twitter
  • snapchat
  • WhatsApp

Pesquise no site com Google

Fale conosco

0800-647-4003

segunda à sexta-feira
das 8:00 às 21:00h

Regimento

BIBLIOTECA PROF. JOSÉ NOGUEIRA DE MORAES

Entre os Blocos II e III – Fone: 3402.3229 biblioteca@faculdadecathedral.edu.br

Regimento

TÍTULO I - DA COMPETÊNCIA

Artigo 1º- A Biblioteca da Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais Aplicadas do Araguaia, subordinada ao Diretor da Faculdade, é tecnicamente responsável pelo provimento de informações bibliográficas necessárias às atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão. Compete à Biblioteca, planejar, coordenar, elaborar, executar e controlar as atividades de processamento técnico (serviços de seleção e desenvolvimento de coleções; serviço de referência; serviço de circulação e empréstimo; armazenagem, sinalização e preservação dos acervos; serviços de registro, catalogação, classificação e inventário bibliográfico)e disponibilização dos acervos bibliográficos da faculdade; estabelecer políticas de disseminação, de processamento técnico e de recuperação da informação e de desenvolvimento dos acervos, em consonância com as políticas da faculdade; e estabelecer diretrizes de funcionamento específico da Biblioteca e dos serviços nela oferecidos, de acordo com as normas gerais de funcionamento registradas neste regulamento interno. Os serviços da Biblioteca são dirigidos por um Bibliotecário devidamente habilitado e auxiliares designados pelo Diretor Administrativo, devidamente capacitados para as atividades do setor. A Biblioteca é organizada segundo os princípios que regem a Biblioteconomia.

TÍTULO II – DO ACESSO E FUNCIONAMENTO

Artigo 2º- A Biblioteca é aberta para consulta ao público em geral e seu horário de atendimento é: de segunda a sexta-feira: 08:00 às 22:00 e aos sábados: 14:00 às 17:00.

Artigo 3º - Durante as férias letivas, a Biblioteca estará aberta de segunda a sexta-feira, em horário a ser informado aos usuários. No período de férias, serão efetuados empréstimos de livros aos discentes que estiverem regularmente matriculados no semestre seguinte.


TÍTULO III - DO CREDENCIAMENTO

Artigo 4º - A carteira de identificação do discente deverá ser solicitada no balcão de atendimento, na Biblioteca, logo após a efetivação da matrícula, na secretaria acadêmica. O discente deverá apresentar 1 (uma) foto 3x4. A primeira via da carteira de identificação é gratuita, mas se houver extravio, a segunda via deverá ser solicitada na secretaria acadêmica e será cobrada uma taxa, paga na tesouraria, sendo o valor determinado pela direção administrativa financeira.

 

I.          Para funcionários e professores, o credenciamento é feito pelo setor de Recursos Humanos.

 

II.        A carteira de identificação da biblioteca é de uso pessoal e intransferível. É vedado o empréstimo de obras com a carteira de identificação de outro discente.

TÍTULO IV – DOS USUÁRIOS

Artigo 5º - Os usuários da Biblioteca são divididos em cinco categorias:

I.  Corpo docente,

II. Corpo discente (Graduação)

III. Pós-graduação

IV. Funcionários

V. Comunidade

TÍTULO V - DO EMPRÉSTIMO

Artigo 6º -  São três as modalidades de empréstimo de obras:

I.                    Empréstimo Domiciliar

II.                  Empréstimo Especial

III.                Empréstimo Local

I - Empréstimo Domiciliar: é facultado aos discentes que estejam devidamente matriculados na instituição e de posse da carteira de identificação acadêmica. Sem a carteira de identificação acadêmica não serão feitos empréstimos e renovações.

II – Empréstimo Especial: a obra identificada com uma tarja amarela (obra de referência), na etiqueta de lombada, será emprestada somente nos finais de semana ou vésperas de feriados, devendo ser devolvida no primeiro dia útil imediatamente posterior. O discente que entregá-la fora do prazo, estará sujeito a penalidades.

III – Empréstimo Local: permite que o usuário consulte as obras do acervo em outro espaço, na instituição. Para isso, deve ser respeitada a seguinte norma:

·        Para sair com o material, o usuário deverá registrar o empréstimo com uma das atendentes, no balcão de atendimento, e a devolução do material não deve ultrapassar o limite máximo de 1h (uma hora).

Podem fazer empréstimos:

I - Corpo docente: são emprestados 12 (doze) títulos por 20 (vinte) dias úteis. Durante o período de planejamento, recesso e férias, os docentes poderão efetuar normalmente seus empréstimos na biblioteca.

II - Corpo discente - Graduação: são emprestados 03 (três) títulos por 05 (cinco) dias úteis.

III - Pós-graduação: são emprestados 03 (três) títulos por 15 (quinze) dias úteis.

IV - Funcionários: são emprestados 02 (dois) títulos por 07 (sete) dias úteis.

V – Comunidade externa: terá acesso ao acervo somente para consulta, uma vez que o empréstimo das publicações é voltado para a comunidade acadêmica.

 

TÍTULO VI - DA RENOVAÇÃO

Artigo 7º - As renovações das obras emprestadas serão efetivadas apenas quando não houver reserva das mesmas e se não estiverem em atraso. As renovações podem ser feitas na biblioteca (balcão de atendimento) ou pela Internet, no site da faculdade: www.faculdadecathedral.edu.br. Importante: as obras podem ser renovadas, pela Internet, por até 3 (três) vezes consecutivas, sendo indispensável sua apresentação, no balcão de atendimento, na renovação imediatamente posterior.


 

TÍTULO VII - DA RESERVA DE MATERIAIS

Artigo 8º - Os usuários poderão solicitar suas reservas no balcão de atendimento ou fazê-las pela internet, seguindo as orientações que estão no site da faculdade.

Artigo 9º -  A reserva será feita quando mais de um usuário solicitar um mesmo título que esteja em quantidade insuficiente frente à demanda dos discentes.

Artigo 10º - Os usuários terão direito a reserva de 03 (três) títulos por vez, desde que não estejam em atraso com a Biblioteca.

Artigo 11º - As obras que estiverem na reserva não poderão ser renovadas na data de devolução, mas o usuário não tem a obrigatoriedade de devolvê-la, podendo optar por pagar a multa diária.

Artigo 12º - As obras que se encontrarem em poder do usuário e estiverem na reserva, não poderão ser reservadas para ele mesmo. Somente os acadêmicos terão acesso à reserva.

Artigo 13º - Após ser devolvida, a obra será disponibilizada para o usuário que fez reserva e ficará disponível pelo prazo máximo de 24 horas, a partir do horário em que foi devolvida. Caso o usuário não a retire dentro do prazo determinado, perderá a reserva e a obra será disponibilizada para o usuário seguinte da lista de espera.

Artigo 14º -  É de responsabilidade do usuário verificar pessoalmente e constantemente, a chegada do material reservado.

TÍTULO VIII – DO ACESSO À INTERNET

Artigo 15º - A biblioteca propicia aos usuários, acesso à Internet em terminais próprios e rede sem fio (WiFi) para pesquisas e elaboração de trabalhos, sempre com finalidade acadêmica.

Artigo 16º - O acesso à Internet é livre e gratuito para a comunidade em geral, desde que observadas as regras para seu bom funcionamento, descritas nos art. 17º ao 23º.

Artigo 17º - Não é permitido acesso a salas de bate-papo (chat), redes sociais, jogos, downloads, áudio e visita a páginas cujo conteúdo não seja de cunho técnico-científico. Esses sites são bloqueados pelo setor responsável (NPD).

Artigo 18º - Quando for reiniciada a máquina que o usuário estiver utilizando, todas as informações serão apagadas, não ficando salvo nenhum registro do que foi produzido.

Artigo 19º - Para o acesso à internet sem fio (WiFi), o usuário deverá levar seu notebook, tablet ou celular na secretaria acadêmica e solicitar uma autorização e encaminhá-lo ao NPD (Núcleo de Processamento de Dados) para que seja efetuada a configuração de acesso. Não serão cobradas taxas para este serviço.

Artigo 20º - Não é permitido usar recursos computacionais (equipamentos e softwares), de propriedade particular, na sala de acesso à internet.

Artigo 21º - Não é permitida cópia de qualquer software instalado nos terminais e cópia de softwares de um micro para outro.

Artigo 22º - O usuário deve zelar, com o máximo de cuidado, pelo equipamento que estiver utilizando (hardware e software), e caso verifique qualquer falha no mesmo deve informar imediatamente no balcão de atendimento da biblioteca.

Artigo 23º - Fica proibida toda e qualquer alteração nas configurações de hardware e software das máquinas de acesso à internet.

TÍTULO IX - DAS OBRIGAÇÕES E RESPONSABILIDADES

Artigo 24º - A Biblioteca é responsável pela guarda, manutenção, conservação e organização de todo material bibliográfico destinado ao estudo e à pesquisa. O acervo, instalações e equipamentos devem ser preservados por todos que utilizam a Biblioteca, que é incorporada ao patrimônio da instituição.

Artigo 25º - A Biblioteca dispõe do serviço de guarda-volumes para usuários internos e externos. Por esta razão, não é permitido o acesso de usuários às dependências da biblioteca portando bolsas, mochilas, sacolas, malas, capacete e outros utensílios dispensáveis à sua pesquisa. Solicitamos observar:

I. A biblioteca não se responsabiliza por quaisquer objetos e valores guardados nos guarda-volumes, bem como por materiais não recolhidos após término do expediente.

II. A utilização dos guarda-volumes destina-se exclusivamente ao período em que o usuário permanecer na Biblioteca, sendo proibida a sua ocupação em qualquer outro horário.

III. A chave dos armários é disponibilizada mediante apresentação da carteira de identificação ou documento pessoal com foto. Em caso de perda da chave, o usuário deverá ressarcir a Biblioteca com cadeado e 2 (duas) chaves novas.

IV. Nas dependências da Biblioteca é expressamente proibido: comer e beber, fumar, usar aparelhos sonoros que perturbem o ambiente de estudo, assim como objetos que possam colocar em risco a integridade física do acervo, instalações e equipamentos da Biblioteca. Também é expressamente proibido o uso de celulares, manusear inadequadamente todo e qualquer material bibliográfico, sublinhar, rasurar ou riscar livros, desobeder às determinações dos funcionários ou deste regulamento.

TÍTULO X - DAS INFRAÇÕES DISCIPLINARES

Artigo 26º - Constituem infrações disciplinares para a Biblioteca:

I. Atrasar a devolução;

II. Danificar e/ou extraviar o material bibliográfico e equipamentos;

III. Desmesurar funcionários e usuários da biblioteca.

TÍTULO XI - DAS PENALIDADES

Artigo 27º - Quando o usuário (Graduação, Pós-Graduação) não devolver o material dentro da data estabelecida, será cobrada uma multa por dia e por livro.

Artigo 28º - Quando o usuário (docente e funcionário) não devolver o material dentro da data estabelecida, ficará suspenso de empréstimos pelo dobro do número de dias de atraso. Para que faça empréstimos novamente, deverá solicitar, mediante requerimento (folha na secretaria acadêmica), liberação da suspensão junto à Direção.

Artigo 29º - O valor da multa é de R$ 5,00 (cinco reais), por dia e por livro, a ser paga na tesouraria, segundo determinação da Direção da Instituição. Será considerado extraviado o material de pesquisa que não for devolvido no prazo máximo de 10 (dez) dias úteis. O responsável pelo empréstimo deverá devolver para a Biblioteca o mesmo título perdido (edição atualizada), ou de igual valor, caso a edição esteja esgotada, atendendo às necessidades dos cursos da instituição.

I.                    Todo material bibliográfico deverá ser apresentado ao funcionário da biblioteca no balcão de atendimento para ser registrado no sistema.

II.                  a. O aluno que levar material da Biblioteca sem autorização, será penalizado com a SUSPENSÃO do empréstimo domiciliar por 1 (um) semestre, sendo a falta comunicada à Direção da instituição.

            b. É obrigatório o atestado da Biblioteca (referente à existência ou não, de débito com a mesma) para instrução de processos de rescisão de contrato, trancamento ou transferência; de preparação para colação de grau; de demissão de funcionários (docentes e técnico-administrativos).

                  c. As dúvidas sobre a aplicação e casos omissos, neste regulamento, serão resolvidas pelos funcionários responsáveis da Biblioteca, Direção Pedagógica, Direção Administrativa, Coordenadores de Curso e/ou submetidos à Diretoria Executiva da instituição.

TÍTULO XII - À BIBLIOTECA COMPETE:

I - Reunir, organizar e difundir a documentação bibliográfica e audiovisual necessária aos Cursos e demais atividades acadêmicas;

II - Proporcionar serviços bibliográficos e de informação ao corpo docente, discente, e técnico-administrativo da instituição, de forma a permitir o desenvolvimento das atividades de ensino, pesquisa, extensão e administração acadêmica;

III - Coordenar e supervisionar suas atividades técnicas, visando assegurar à padronização dos serviços, atualização do acervo e evitar a duplicação de meios para os mesmos fins;

IV - Manter intercâmbio com instituições nacionais e internacionais;

O acervo da Biblioteca inclui livros, periódicos, jornais, teses, TCCs, artigos científicos e outros trabalhos acadêmicos e multimeios.

 

TÍTULO XIII - PARA O DESEMPENHO DE SUAS ATRIBUIÇÕES, A BIBLIOTECA DISPÕE DA SEGUINTE ESTRUTURA OPERACIONAL:

I – Departamento de Biblioteca;

II – Apoio: Auxiliares;

Ao departamento da Biblioteca, órgão de coordenação e supervisão executiva compete:

I - Estabelecer diretrizes e supervisionar os setores;

II - Coordenar e supervisionar as atividades técnicas e administrativas da Biblioteca;

III - Propor recomendações para a política biblioteconômica da instituição;

IV - Manter a biblioteca articulada com os demais setores da instituição;

V – Propor e fazer cumprir convênios realizados na área e atuação da biblioteca;

VI - Despachar com o Diretor da instituição;

VII - Determinar o horário de funcionamento da biblioteca e dos seus funcionários, conforme as necessidades de serviço;

VIII - Elaborar e submeter à aprovação da Diretoria da Faculdade o plano anual de atividades e a proposta orçamentária da Biblioteca, depois de ouvidos a Coordenação Pedagógica e os Coordenadores de Curso;

IX - Apresentar à diretoria da instituição o relatório anual da Biblioteca;

X – Administrar a Biblioteca como um todo;

XI - Cumprir e fazer cumprir o presente Regulamento.

O departamento de biblioteca é designado pela Diretoria da Instituição, à qual suas atividades estão subordinadas. A escolha do responsável pela biblioteca deverá incidir sobre profissional com Bacharelado em Biblioteconomia, devidamente inscrito no Conselho Regional de Biblioteconomia – CRB. Em sua falta e/ou impedimento, compete à direção da instituição indicar o seu substituto.

 

TÍTULO XIV -  AOS AUXILIARES DE BIBLIOTECA COMPETE:

I – Auxiliar o Bibliotecário em suas atividades;

II – Auxiliar no recebimento e envio de correspondência interna e externa;

III - Manter organizado o arquivo com toda correspondência recebida e expedida pela biblioteca;

IV - Manter organizado e limpo o acervo físico, bem como as salas de estudo e laboratório de informática;

IV – Solicitar material necessário à execução dos serviços da Biblioteca, procedendo ao devido encaminhamento;

V – Zelar pelo bom funcionamento da Biblioteca e atendimento aos usuários.
Av. Antônio Francisco Cortes, 2.501
Setor Cidade Universitária • Barra do Garças-MT
Fone: (66) 3402-3200

Desenvolvimento

Araguaia Networks